CURVA DE CRESCIMENTO

NÚCLEO DE MELHORAMENTO

Produzida desde 1996 no Núcleo de Genética Rei da Tilápia, localizado em Mostardas, Rio Grande do Sul. Em 2019 estamos produzindo a Geração 28 (G28).

  • 24 anos em contínua operação (desde 1996);
  • Totalmente documentado;
  • 50+ famílias atualmente na 28a. Geração;
  • Veggiefish é produzida desde 2002 em sistema de bioflocos;
  • “É provavelmente a genética de mais grande penetração na América Latina e EUA, 5,8% do total global” (Fonte: Estudo Inocap - Norway, 2014);
  • Principais clientes: Larviculturas da América Latina, China e Tailândia.
  • As 14 últimas gerações (desde 2002) foram produzidas em bioflocos (ambiente controlado), quadruplicando sua herdabilidade por praticamente anular os efeitos ambientais;
  • São utilizados híbridos de várias espécies de Oreochromis, não somente a tilápia nilótica, como as demais linhagens;
  • Intervalo de desovas das famílias de 3-5 semanas, garantindo um maior resultado nas seleções.

SUPER-HÍBRIDO

Veggie-Fish é uma Linhagem Híbrida de Tilápias, com as seguintes espécies:

(1)Oreochromis niloticus (Chitralada + GIFT + GST )   +  Diversas Espécies Africanas:

(2)Oreochromis angolensis,

(3)Oreochromis andersonii, e

(4)Oreochromis mossambicus

Pedigree da geração Veggiefish em Bioflocos, G15 - G24.

Exemplo do Pedigree do Macho 34 (M34) da Geração 24 (G24) em 2015.

Estimativa da Herdabilidade (h2) para o crescimento em ambiente de Bioflocos nas últimas gerações do Veggie-Fish (2011-2015):

G22 = 0.56 (2013)

G23 = 0.58 (2014)

G24 = 0.47 (2015)

G25 = 0.52 (2016)

G26 = 0.60 (2017)

G27 = 0.59 (2018)

*A média de h2 nos últimos 15 anos foi de 0,56 ± 0,07, muito alta, especialmente quando comparada a 0,12-0,24 típica de outros programas de melhoramento também originários do material GIFT.

Recentemente, a UFMG reportou h2 = 0,70 em bioflocos (2014).

PRESENÇA MUNDIAL

EM NOTÍCIAS